[Opinião] Kamisama Kiss de Julietta Suzuki

Sabemos que estamos viciados num mangá quando lemos tudo pela noite dentro e só paramos porque enfim…chegou a fim *do que estava publicado*
E foi exactamente isso que aconteceu com Kamisama Kiss (Kamisama Hajimemashita) ao qual passei os volumes todos *21* para o tablet para ir lendo… até que acabei a ler pela noite dentro.

                                                                                             (imagem do anime)

Nanami Momozono está sozinha e sem casa após o seu pai fugir da cidade para escapar as suas dívidas do jogo, os cobradores de dívidas lhes tirar o seu apartamento. Abandonada pelo pai, Nanami vê-se sozinha na rua,  até ela encontrar um homem de qual acabou por salvar de um cão, em agradecimento este oferece-lhe a sua casa, então ela aproveita a oportunidade. Mas acontece que a sua casa é na verdade um santuário,descobrindo então que na verdade o homem a tornou numa divindade da Terra sem o seu consentimento.
Nanami tem agora todo o tipo de novas responsabilidades que ela não entende, perigos que ela é desconhece, e um excêntrico ex-familiarizados que é. .. realmente muito estranho. O que é suposto ela fazer?


Depois de chegar ao seu novo santuário, Nanami conhece Tomoe, de uma forma violenta, já que este pensa que é o antigo mestre que chega a casa depois de 20 anos ausente, até ver que se trata apenas de uma humana. Os dois espíritos do templo é que o alertam para o facto de se tratar da substituta do antigo mestre, e por ter o seu selo divino na testa, que é invisível aos olhos humanos. Mas Tomoe não tem de a servir, não fez nenhum contrato com ela, e recusa-se a sela-lo visto que ele é o grande espírito da raposa e ela ser nada mais do que uma humana, tratando-a como a Deusa Humana da Terra, e por isso mesmo fugir para se divertir no mundo dos demónios, onde muitos deles o respeitam e até tem medo dele.
Ora que Nanami não se deixa ficar… e vai lá busca-lo.
Para servir qualquer Deus, o servo que será chamado de shinshi ou familiar e obedecer a todas as ordens que o Deus fizer, para fechar o contrato tem que ser dado um beijo na boca. A qual Nanami se recusa por nem se quer imaginar a beijar tal raposa.

Untitled-1

Nanami é uma personagem muito viva, capaz de fazer tudo por quem mais gosta e apesar de não conhecer certas criaturas é capaz de arriscar a sua vida para ajudar. O que leva a pensar o que a rapariga viveu e a quem saiu para ser assim. Até, mais para a frente, é capaz de dar parte da alma para ajudar alguém que nem merece, mas Nanami é assim. E é perfeita!

 


Tomoe não quer saber dos humanos, apenas serve o seu mestre e mais nada, mostra-se desinteressado de tudo o que o rodeia, a não ser que envolva o seu prazer próprio. Mas no meio daquele ser está um coração mole, pelo menos no que toca a Nanami, visto ver as suas acções e a compreender um pouco melhor.

 

O mangá conta com muitas outras personagens, muitos deuses e demónios e muitos humanos envolvidos, há medida que a história vai avançando, vai-se conhecendo muitas outras. Nanami é apenas humana mas com os poucos poder que adquiriu.
Já era de esperar que Tomoe e Nanami tivessem uma forte ligação, que ele ao principio nao compreende muito bem, a sua Deusa não caí nessas coisas intituladas de amor, e ele também não. Mas há medida que vão avançando nem um nem outro consegue esconder. *e ainda bem* As cenas de ambos tem muito humor e deixa sempre um vai ou não vai com um sorrizinho na cara. O que é altamente.

Adorei Mizuki, que por vias “desonestas” se tornou também shinshi de Nanami, vivendo então no templo com Tomoe e Nanami. Mizuki era shinshi de uma outra Deusa que acabou por falecer. Adquirindo Nanami contra a sua vontade no seu templo e fazendo com que ela fosse sua mestra. Nanami recusou mas prometeu que o ia visitar muitas vezes.
A forma de Mizuki é a cobra e muitas das vezes ele usava para explorar o mundo fora do seu templo, no entanto ainda não se consegue adaptar bem a este novo mundo. Mas ele adora Nanami e faz tudo para a ver feliz. Desde que ela sorria tudo estará bem para ele.

Não podendo deixar de lado Kurama Shinjirou, que ao inicio parece apenas uma estrela de rock, mas que tem uma vida diferente. Sendo na mesma viciado na fama, e adorando que todos o adorem. Adorei conhecer a sua história, se não me engano no 5 volume. Estava a espera de algo completamente diferente.

Outro que adorei conhecer e que deveria ter morrido mas está de volta ao mundo num corpo humano foi Akura-ou/Kirihito. No entanto como ainda não está totalmente completa esta parte ainda não há um fim concreto para ele. Mas fazia parte do passado de Tomoe quando este ainda era mais ou menos mau. Mas era o seu melhor amigo e conheceu Nanami quando esta viajou ao passado.

                               Screenshot_2015-04-04-18-20-03 Screenshot_2015-04-05-00-33-29

 Quanto ao desenho, que é parte do que mais aprecio, tenho que dizer que está perfeito.  Julietta Suzuki tem um traço simples próprio de mangá mas há qualquer coisa de diferente no que toca a criação de ambientes e da maneira como conta a sua história.
Mas posso esperar que sejam publicados os restante.

Também a contar com duas temporada, o mangá foi também para anime. Não sei se terá alguma terceira temporada, mas estou a espera que sim. ^^

Site da escritora : SUZU (em japonês)
Ler o mangá me Inglês: MANGAFOX
Ver o anime online: ANITUBE

Um happy gif para terminar:

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Opiniões. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s