[Opinião] Crayon Days de Chiba Kozue

                                                                                 *Completo*

Já nem me lembro como descobri este mangá, talvez tenha sido o nome que me tenha chamado a atenção, mas é verdade que quando li a sinopse e dizia ser uma rapariga na escola de arte decidi experimentar, e a verdade é que gostei muito.

Shima é uma rapariga que adora desenhar, e tem o desejo de se tornar especial usando a sua arte. Por isso mesmo é que abandonou a sua cidade natal e decidiu ir estudar para um escola de artes em Tóquio, a famosa Aoba.
Mas tudo é diferente do que estava habituada, para além de ir viver sozinha num dormitório e de ter de organizar ela mesma a sua vida artística, ainda tem que lidar com novas pessoas que nem sempre são verdadeiras.
Mas como isto é um Shoujo :3, ela terá de lidar em especialmente com Saji Akatsuki, um artista muito conhecido tanto na escola como em Tóquio, embora Shima não o conheça. Na realidade ela só conhece a arte dele, ou pelo menos a que consegue ver quando está a visitar a escola.

Shima é uma personagem que gostei muito por duas razões. Primeiro ela é muito decidida face aos desafios que lhe aparecem, ah e ela tem um pássaro que anda sempre com ela, e mesmo quando este foge para o dormitório dos rapazes (em especial para o quarto de Saji cof cof)  ela vai na mesma ter com ele a noite e claro que não pode sair do quarto dele até ao dia seguinte porque enfim… E outra razão que me fez gostar dela foi que apesar de desenhar coisas um pouco infantis quando tem de desenhar, a verdade é que tem aquele lado estético e de ligação do sentimento com a arte fantástico. Muito embora a parte da arte seja em tons cinza, gostei das descrições que ela deu sobre isso.

Saji é um artista mais reservado, apesar de ser muito conhecido e de toda a gente gostar do que ele faz, ele não se sente o melhor. Deseja sempre mais e acha que a sua arte ainda nao traduz verdadeiramente aquilo que lhe vai na alma e mantem sempre essa busca enquanto trabalha.
Shima conheceu-o quando este estava a pintar e ficou muito chateado quando esta lhe entrou pela sala a dentro para ver as pinturas. Tão chateado que pegou num x-acto e rasgou a tela toda alegando que ela não podia ver. Claro que Shima o achou imediatamente arrogante. Não por maldade, mas ela está habituada a que sejam todos amigos na escola e depois é ver uns contra os outros não entende.

A parte interessante é que no decorrer do mangá as personagens principais vão se juntando por uma série de episódios e Sija, apesar de não entender muito bem começa a apaixonar-se por Shima. E ela também mas é complicado.
Até ao dia que aparece um anuncio na entrada da escola (onde se costuma escrever os achados ou a recrutar pessoal para grupos, bem um espaço para estudantes) a dizer que este ano Saji vai ter um novo parceiro e é a Shima, que ficou igualmente admirada. Até então Saji apenas tinha trabalhado com uma rapariga que já nao estava na escola, e como é óbvio vai voltar para causar problemas. (ela era a antiga namorada dele)
Não posso falar do final não é?

Este é um romance mesmo simples, mas mesmo querido, e tem a parte da arte que eu gosto muito como seria de esperar, apesar de a parte do abstracto não ser o meu forte T_T.
Mais um trabalho excelente de Chiba!! Adorei! Adorei!! Tem sempre aquele traço não tão moderno e tudo sempre tão desenhado e pintado, mas gostei muito!

qqqqq

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Livros, Opiniões. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s